Num triângulo de Ilhas, uma lenda de Açores. De rosto humano!

Imagem
Dou comigo a recordar aquele mestre do Terra Alta que - numa travessia das Velas para São Roque, já lá vão mais de 25 anos - me contava do Sr. Quaresma, de braço no ar, em cima do velho cais da Madalena.
Em dias de temporal, contando as ondas... para marcar o momento seguro de entrada do barco.

Clique para se deslumbrar! ►

Naquele triângulo de ilhas, o barco era tudo: Viu nascer as crianças (mais impacientes!) que não aguardaram até ao hospital da ilha em frente... foi viatura de funeral ou ambulância.
Muitas histórias de amor se teceram à distância, vertidas nas cartas confiadas a João Quaresma para que as encaminhasse para os amores ausentes.
Ou os açafates da comida e as encomendas que os pais mandavam para os miúdos da Ilha Montanha que tinham ido estudar para a Horta. Do lado de lá. o Gilberto das Lanchas, com a sua carrocinha, havia de tratar das entregas em mão.

Não havia lancha que arriscasse demandar o porto da Madalena sem ordem de João Quaresma. Todos os dias em cima do cai…

Quando o "Zé das Papas" era a cara do Festival Nacional de Gastronomia...

O Zé das Papas, a figura criada por Rafael Bordalo Pinheiro


Histórias da infância do Festival Nacional de Gastronomia andaram à solta pela Casa do Campino em Santarém.


Que foi preciso engenho para, retirados os cavalos, transformar cavalariças em recinto de petiscos e comedorias e confraternização... já se sabia.




Um venhinho Programa do Festival


Mas, desta vez, ficou desvendado o segredo da transformação de baias e manjedouras naqueles balcões corridos onde durante anos se instalaram os muitos milhares que não perdiam as noites de cumplicidade, conversa, convívio e celebração da cozinha portuguesa.

Chamados à liça, dois responsáveis pelas infraestruturas e organização, dois representantes das tasquinhas (que foram destino de romaria e culto) e dois jornalistas.

Acrescentado um moderador, para temperar as lides, estava encontrada a receita para uma Conversa de fim de tarde sobre os primórdios do Festival. Recheada de recordações e memórias.


A guisa de remate, apenas dizer que a fotografia é de Alberto Silva.

Na imagem: Nuno Domingos, Francisco Jerónimo, Raul Rodrigues,
Paulino Coelho, Manuel Fialho, Paulo Narciso, Rui Dias José.

Muita gente está a ler também:

"Carolina": O dueto magistral de Carminho com Chico Buarque

Ana Moura - "Dia de Folga"

Madredeus - Ao longe o mar