Figuras do Presépio invadem Monsaraz!

Imagem
Presépio gigante de rua, com figuras em tamanho real, regressa sexta-feira a Monsaraz.

Pelas 11 da manhã, nas Portas da Vila, o Grupo Coral da Freguesia de Monsaraz abre a festa com os seus Cantos de Natal.
As Figuras do Presépio tomam conta de Monsaraz. E até aos Reis, a vila medieval é delas!

Delas (de quantos a habitam e gostam!) e dos muitos milhares que vão passar por lá para ver Natal dentro de muralhas com vistas d'Alqueva


Espraia-se pelas ruas da vila até ao Largo do Castelo. Aí ficará o conjunto principal: A Virgem, São José e o Menino Jesus.
As outras figuras (ao todo são 48) distribuem-se pelas ruas da vila.

Em tamanho natural, estruturas de ferro e rede, cobertas por panos de cor crua, pintadas em tons pastel, rosa velho e lilases.
Caras e mãos feitas em cerâmica.

Por lá vão estar os Reis Magos, o pastor, os guardas do castelo, o oleiro, o almocreve, a lavadeira e a fiadeira. E muito mais!
Tudo impermeabilizado e tratado para aguentar a chuva.
À noite, todas as figura…

"Há sempre um Portugal desconhecido... que espera por si"


Foi a mais estimulante e criativa campanha do promoção do Turismo Interno jamais feita em Portugal. Ou nela não estivesse envolvido Alexandre O'Neill - um poeta, um cultor de palavras, um publicista!
Até dói saber que esta magistral campanha promocional foi realizada em plena Ditadura. E que, depois dela, quase só aquela pobreza - com laivos de rosqueirice - da escapadinha e um pobre e linear vá para fora cá dentro. A recordar a anedota clássica:
- Maria, põe a mesa na varanda que hoje vamos almoçar fora.

Confrangedora a falta de criatividade dos criadores nacionais e a incapacidade crónica das estruturas oficiais do Turismo. Quer as centrais, quer as Regionais... Com os equilíbrios episódico-conjunturais do jogo de forças partidárias a determinarem o preenchimento de cargos de liderança e opções tudo menos estratégicas.

Mas ainda mais confusos são os jogos de poder e de influência na relação com mercados estrangeiros: soluções pantanosas que nada ajudam à construção de um perfil solido, atractivo e estimulante do Destino Portugal.
Seria compreensível que ao Turismo de Portugal fosse cometida a responsabilidade da Promoção Externa e às Entidades Regionais de Turismo a capacidade de captação dos fluxos internos. Mas nunca ninguém me convenceu da bondade e utilidade das Agências Regionais de Promoção - se os dinheiros de que dispõem são em grande parte provenientes do Orçamento Geral do Estado e de fundos comunitários, se não é significativo o contributo dos privados no financiamento dessas estruturas, para quê um órgão híbrido - uma espécie de parceria público-privada paga pelos do costume?

Nesta altura, andam para aí para aí muito contentinhos com os números do Turismo. Sem que ninguém queira reconhecer que, em grande parte, pouco têm de capacidade de captação de fluxos turísticos e são mais resultado da crise económica, que obrigou os europeus a optar por destinos de proximidade, associada ao inferno em que se transformou a bacia do mediterrâneo: da Tunísia ao Egipto, da Síria aos refugiados que todos os dias desembarcam nas costas da Grécia e da Itália...

A única esperança dos sucessivos responsáveis parece ser... que estas zonas continuem a ferro e fogo: Para que o´Portugal permaneça atractivo e apetecível (também em termos de preços) a quem o procura!

Nota final:

Alguns poderão não gostar do que por aqui ficou dito. Mas é a nossa opinião!
E o trabalho que todos os dias realizamos de divulgação de Portugal
em todo o Universo da língua portuguesa - sem quaisquer apoios
oficiais e com a concorrência desleal de dinheiros do Estado
resultantes dos impostos que cobra a todos nós -
confere-nos, no mínimo, o direito a ter opinião.
E contra isso... (como diria o nosso
povo) batatas!

• Veja também! Não perca!


O que nós gostamos mesmo é de... Passear!

Parar aqui ou ali para um copo, uma paisagem ou dois dedos de conversa...
Você, que ocasionalmente passou pelo Blogue ou a ele foi trazido pelos nossos links, perguntará:
O que é que estes tipos sabem para ter um blogue com a ousadia de aflorar temas como Turismo, Produto Turístico ou Oferta Turística?


(clique
na imagem
para abrir)


• Dois milhões de rostos, de todas as margens de terra onde se sonha, ama, sofre, vive em Português.
• Um Universo que não pára de alargar, uma Roda de Amigos que não pára de crescer!

(clique na imagem para abrir)

Muita gente está a ler também:

Figuras do Presépio invadem Monsaraz!

Madredeus - "O Pastor"

"Carolina": O dueto magistral de Carminho com Chico Buarque