Fenómeno de crescimento e participação! Agora não podemos parar!

Imagem
Mais de dois Milhões de membros! Um Universo que não pára de crescer e de se diversificar!
Chegados aqui... Temos de ir em frente!
E encontrar formas de corresponder ao interesse e ao entusiasmo desta multidão de rostos.

Por isso, estamos a lançar uma página nova.
Que assume com orgulho o nome de Descobrir Portugal - que fizemos, construímos e consolidámos ao longo destes dois anos no Facebook.
Até conseguirmos ter connosco mais de um MILHÃO de membros, espalhados por todos os cantos da Língua Portuguesa.

Do ala que se faz tarde! conservamos as memórias e os afectos de um blog que, neste curto período, registou mais de 6,5 milhões de visitas. Mas está na altura de iniciar uma nova caminhada fazendo apelo a novos recursos e potencialidades.

• E aí está owww.descobrirportugal.pt.Que quer continuar a contar com o vosso apoio e a vossa divulgação!


Aquilo que parecia uma brincadeira e um passatempo... tornou-se coisa séria. Precisamos agora de apoios e de suportes que garantam continuação, a…

Memórias Judaicas atraem visitantes a Monsaraz?


A tradição oral descrevia-a como local de tortura e apodou-a de Casa da Inquisição. Aí teria, de acordo com histórias passadas de boca em boca, funcionado um Tribunal da Inquisição.

Mas... como sabiamente diz o nosso povo, quem conta um conto acrescenta um ponto. E essa é uma versão a que hoje não damos muito crédito. Admite-se, isso sim que aquela casa tenha estado ao serviço da Inquisição como arquivo de processos, residência de Familiar do Santo Ofício ou local de passagem de acusados que iriam para o Tribunal inquisitorial em Évora.

Não há dúvidas, no entanto, que Monsaraz albergou durante séculos uma próspera comunidade judaica.

As referências ao judeus na vila castreja remontam ao século XIII e ao rei de Afonso III. Ganham consistência no tempo de D. Dinis e surgem detalhadas no reinado D. Fernando.


Daí a criação, por iniciativa da Câmara Municipal de Reguengos, do Centro Interactivo da História Judaica em Monsaraz.

• Instalado na tal edificação que, no imaginário popular, havia ganho o nome de Casa da Inquisição.


 Pretendem os responsáveis autárquicos que seja gerador de ideias para a interpretação e entendimento da nossa história e das suas gentes, enquanto produto e memória.
Segundo eles, será, sem dúvida, um elemento dinamizador do concelho e congregador de uma nova dinâmica histórico-cultural.

Trepemos então até ao número 7 da Travessa do Quebra-Costas, em Monsaraz. Para espreitar história e conteúdos interactivos. Que são uma outra forma de a contar.

E passeemos o seu interior através deste vídeo da Glorybox:

Muita gente está a ler também:

Marvão: lá do alto, horizontes imensos de encher peito e alma!

Ele há cada mistério...