Num triângulo de Ilhas, uma lenda de Açores. De rosto humano!

Imagem
Dou comigo a recordar aquele mestre do Terra Alta que - numa travessia das Velas para São Roque, já lá vão mais de 25 anos - me contava do Sr. Quaresma, de braço no ar, em cima do velho cais da Madalena.
Em dias de temporal, contando as ondas... para marcar o momento seguro de entrada do barco.

Clique para se deslumbrar! ►

Naquele triângulo de ilhas, o barco era tudo: Viu nascer as crianças (mais impacientes!) que não aguardaram até ao hospital da ilha em frente... foi viatura de funeral ou ambulância.
Muitas histórias de amor se teceram à distância, vertidas nas cartas confiadas a João Quaresma para que as encaminhasse para os amores ausentes.
Ou os açafates da comida e as encomendas que os pais mandavam para os miúdos da Ilha Montanha que tinham ido estudar para a Horta. Do lado de lá. o Gilberto das Lanchas, com a sua carrocinha, havia de tratar das entregas em mão.

Não havia lancha que arriscasse demandar o porto da Madalena sem ordem de João Quaresma. Todos os dias em cima do cai…

Ele há cada mistério...

Pensávamos que já tínhamos visto tudo. Enganámo-nos.
Primeiro ficámos incrédulos. Depois... estupefactos!

Não é que esta foi uma das fotografias de que os membros do Descobrir PORTUGAL mais gostaram?
Bem... se eles tivessem gostado dos pasteis de nata, tinham a nossa concordância e aplauso. Agora dos ditos em fotografia...

https://www.facebook.com/photo.php?fbid=10204061332053489&set=o.124331758934&type=3&theater Cheirará a quê? Saberá a quê?
Para comer não dá. Para ver... só se for com uma pontinha de inveja e uma dose de raiva por não nos ter tocado nada daquele tabuleiro.

• Para ampliar, contemplar e ficar de água na boca, clique na imagem. ►


https://www.facebook.com/photo.php?fbid=10204061332053489&set=o.124331758934&type=3&theater

Sem sequer provar, uns 2.500 vieram dizer que gostaram. E alguns até adoraram!!! Quer-nos parecer que nunca serão convidados para nenhum júri gastronómico!

Razão tiveram aqueles dois que, depois de depararem com a fotografia, ocultaram todas as imagens do Descobrir Portugal. Ou aquele outro que abandonou de imediato a página. Só vai voltar quando tivermos pasteis de nata a sério, acabadinhos de sair do forno, a desfazerem-se na boca... Gente de bom senso!

Também, o que terá passado pela cabeça de Rin Lino Shimmyo para inserir uma fotografia destas.
Nós até lhe perdoámos o facto de, sendo Japonês, gostar de Portugal. Até lhe temos vindo a publicar as imagens que eles vai postando. Agora também não precisa de  vir fazer pirraça. Francamente...!




► Muitos milhares de fotografias, dos membros do Descobrir PORTUGAL.
À sua espera!
 
https://www.facebook.com/absolutoportugal/photos_stream?tab=photos     • Visite!


    • Descubra!


    • Deslumbre-se!


    • Partilhe!

Muita gente está a ler também:

Ana Moura - "Dia de Folga"

Que alma terá inventado essa coisa da "carne de porco à alentejana"?

Do Minho para a sua mesa... Caldo Verde!