Num triângulo de Ilhas, uma lenda de Açores. De rosto humano!

Imagem
Dou comigo a recordar aquele mestre do Terra Alta que - numa travessia das Velas para São Roque, já lá vão mais de 25 anos - me contava do Sr. Quaresma, de braço no ar, em cima do velho cais da Madalena.
Em dias de temporal, contando as ondas... para marcar o momento seguro de entrada do barco.

Clique para se deslumbrar! ►

Naquele triângulo de ilhas, o barco era tudo: Viu nascer as crianças (mais impacientes!) que não aguardaram até ao hospital da ilha em frente... foi viatura de funeral ou ambulância.
Muitas histórias de amor se teceram à distância, vertidas nas cartas confiadas a João Quaresma para que as encaminhasse para os amores ausentes.
Ou os açafates da comida e as encomendas que os pais mandavam para os miúdos da Ilha Montanha que tinham ido estudar para a Horta. Do lado de lá. o Gilberto das Lanchas, com a sua carrocinha, havia de tratar das entregas em mão.

Não havia lancha que arriscasse demandar o porto da Madalena sem ordem de João Quaresma. Todos os dias em cima do cai…

Não ganharam para o susto!

Não lembraria a ninguém...!
Qualquer um, medianamente informada, sabe o que é (e para que serve!) uma estação dos caminhos de ferro. 

É apenas o sítio onde se entra a correr para não perder o comboio que está a iniciar a marcha ou o local de todos os nervosismos, e de todas as impaciências, quando se espera por alguém - cenário de pressas, afectos, saudades, lágrimas, abraços e sorrisos.

Que terá passado pela cabeça do autor para confundir a Estação de São Bento, no Porto, com um estúdio fotográfico ou uma galeria de arte? Dá para perceber que trocou as pés no mapa e subiu a escadaria a pensar que era algum museu. As pressas dão nisto!

Estavam os candidatos a passageiros descansadinhos quando chega alguém, máquina fotográfica em riste, a disparar contra tudo o que era azulejo. Até se devem ter assustado...!

Consta que Manuel Vagos (o fotógrafo) nem sequer apanhou o comboio. Parece que nem tinha comprado bilhete!!!

https://www.facebook.com/photo.php?fbid=1115341278486179&set=o.124331758934&type=3&theater
• Para ampliar, contemplar e ficar de água na boca,
clique na imagem.
Acaba a querer desculpar-se com o argumento de que a estação é muito bonita, o tecto magnífico e os azulejos espectaculares.



E não é que os membros do Descobrir Portugal deliraram com esta imagem?
E desataram a gostar e a partilhar?
Porque terá sido?






► Muitos milhares de fotografias, dos membros do Descobrir PORTUGAL.
À sua espera!
 
https://www.facebook.com/absolutoportugal/photos_stream?tab=photos     • Visite!


    • Descubra!


    • Deslumbre-se!


    • Partilhe!

Muita gente está a ler também:

Ana Moura - "Dia de Folga"

Que alma terá inventado essa coisa da "carne de porco à alentejana"?

Do Minho para a sua mesa... Caldo Verde!